Líderes de todo o mundo em solidariedade com as vítimas de Nice

"O que é triste é que as vítimas são as pessoas que estavam celebrando a liberdade, igualdade e fraternidade”

Líderes de todo o mundo em solidariedade com as vítimas de Nice

Todo o mundo envia mensagens de condolências após o ataque terrorista que foi realizado com o caminhão na cidade francesa de Nice.

O Presidente dos EUA, Barack Obama, na sua declaração escrita, condenou duramente o ataque terrorista horrível em Nice que deixou mais de dezenas de mortos e feridos.

O presidente expressou solidariedade com as famílias e entes queridos dos que morreram enquanto desejou uma recuperação completa aos feridos.

 Presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, em sua declaração sobre o ataque terrorista, disse: "Hoje é um dia triste para a Europa, para a França e para todos nós. O que é triste é que as vítimas são pessoas que estavam celebrando a liberdade, igualdade e fraternidade. Estamos em solidariedade com as famílias das vítimas, ao povo e Governo da França na luta contra a violência e o ódio.

Os dos países participantes do Encontro Ásia-Europa também condenaram o ataque e fizeram um minuto de silêncio para as vítimas.

As Nações Unidas condenaram o ataque bárbaro e covarde em Nice.

Na declaração adoptada na Assembleia Geral da ONU, foi sublinhado que o terrorismo é uma das mais sérias ameaças à paz e ameaças de segurança globais.

Primeiro-ministro estoniano Taavi Rõivas em sua mensagem através da rede social, "Eu me virei quando ouvi sobre o ataque miserável contra pessoas inocentes durante as comemorações do Dia Nacional em Nice".

Ministro dos Negócios Estrangeiros da Letônia Edgars Rinkevics, em sua mensagem, disse: "Nós condenamos o ataque terrorista bárbaro e terrível em Nice. A Letônia leva solidariedade a França ".

Primeiro-ministro belga, Charles Michel, na sua declaração através da rede social, disse que seus pensamentos estão ao lado dos amigos franceses e as vítimas do ataque covarde.

O Ministério do Exterior da Arábia Saudita condenou severamente o ataque terrorista em Nice.

A China enviou as suas condolências às famílias das vítimas e repetiu que se opõe a qualquer tipo de terrorismo.

O primeiro-ministro português Antonio Costa disse que esse ataque é um ataque contra todos os europeus.



Notícias relacionadas