Mais de 140 soldados mortos no Chade e no Níger em ataques do Boko Haram

47 soldados do Chade ficaram feridos em consequência do ataque do grupo terrorista.

Mais de 140 soldados mortos no Chade e no Níger em ataques do Boko Haram

O ataque do grupo terrorista Boko Haram no Chade, realizado em Bouma, na província do lago Chade, deixou 92 soldados mortos e  outros 47 ficaram feridos. Os terroristas atacaram os militares e o confronto durou 5 horas, segundo o presidente da Chad, Idris Deby.

Deby: "Nunca perdemos tantas vidas e a nossa resposta será muito severa".

Os orgãos de imprensa locais indicam que um avião foi atacado pelo terroristas, e que foram enviados meios aéreos de combate para apoiar as tropas durante o ataque. O exército declarou que a zona está agora totalmente sob controle.

Outro ataque do Boko Haram, no nordeste do Níger, deixou 50 soldados mortos e um bom número de militares ficaram feridos.



Notícias relacionadas