A retirada dos EUA da Síria provavelmente ocorrerá em semanas

"Tudo depende da condição sobre o terreno"

A retirada dos EUA da Síria provavelmente ocorrerá em semanas

O chefe do Comando Central dos Estados Unidos (Centcom), general Joseph Votel, disse que seu país provavelmente começará a retirar seus soldados militares da Síria nas próximas semanas.

Questionado sobre a retirada de 2.000 soldados dos EUA da Síria, o comandante americano disse: "Isso provavelmente acontecerá em semanas, mas, mais uma vez, tudo depende da condição no terreno. Pelo que diz respeito a retirada acreditamos que estamos no caminho certo".

Enquanto isso, os militares dos EUA começaram a retirar parte do material militar na Síria.

Ele explicou que "mover pessoas é mais fácil do que mudar os equipamentos, então o que estamos tentando fazer agora é, novamente, livrar-nos de materiais e equipamentos de que não precisamos".

Referindo-se aos soldados americanos no Iraque, Votel pontuou que o número de soldados dos EUA "permanecerá mais ou menos o mesmo".

"Nós não queremos manter as tropas no campo em que não precisamos ou não temos missão", disse.

Os Estados Unidos têm aproximadamente 5.000 soldados no Iraque para ajudar a combater o DAESH.



Notícias relacionadas