O satélite de exploração solar Parker da NASA foi lançado

O lançamento foi feito a partir da Base Espacial do Cabo Canaveral na Flórida

O satélite de exploração solar Parker da NASA foi lançado

Às 0:33, hora local (10:33 hora local) foi lançado da Base Espacial do Cabo Canaveral, na Flórida, o Satélite de Exploração Solar Paker da NASA, que usa o míssil Delta 4 produzido pela Boeing, com um Tamanho de um carro cuja liberação anterior foi cancelada para hoje devido a um colapso técnico.

O ônibus espacial, que terá velocidade de 690 mil quilômetros por hora no espaço, a 6,16 milhões de quilômetros da superfície solar, coletará informações sobre a atmosfera solar.

Ele também sofrerá uma temperatura de 370 graus Celsius na órbita solar e manterá a 30 graus centígrados aproximadamente o escudo de calor do ônibus espacial com uma camada de 12 centímetros feita de composto de carbono resistente ao efeito radioativo. O Explorador Solar da Parker irá girar 24 vezes durante 7 anos na atividade de exploração que permanecerá na camada externa composta pelo plasma solar cuja temperatura é de milhões de graus centígrados, na camada de corona. Será o primeiro ônibus espacial a ser inspecionado em uma posição tão próxima a outros veículos feitos por humanos.

Entre as missões há a resolução dos mistérios do calor de alta temperatura na coroa, o fluxo de materiais para o exterior continuamente da estrela e a aceleração do vento solar.

O explorador também ajudará a entender melhor o mecanismo por trás da aceleração das partículas ativas do sol. Essas partículas solares, quando voam para longe da estrela, atingem uma velocidade máxima igual a metade da da luz. Os cientistas dizem que a camada que interrompe o calor no ônibus espacial permitirá essa missão.



Notícias relacionadas