O grupo "Denunciamos" envia uma carta a presidente da Comissão Europeia

Na Itália, o grupo "Denunciamos", formado pelos parentes de falecidos devido ao Covid-19, exigiu que as investigações sobre denúncias criminais na Lombardia fossem questionadas.

1454719
O grupo "Denunciamos" envia uma carta a presidente da Comissão Europeia
maske.jpg
koronavirüs.jpg
SÜPER FOTO KORONA İTALYA 4.jpg
SÜPER FOTO KORONA RUSYA 1..jpg
SÜPER FOTO KORONA RUSYA 2..jpg

Em geral, o número de pessoas que perderam a vida devido ao novo tipo de coronavírus (Covid-19) ultrapassou 575.641, número de casos 13 milhões 241 mil. O número de pessoas que perderam a vida foi de 7 milhões e 708 mil.

No Brasil, o número de mortes por vírus é de 72.921 e o número de casos, um milhão de 887.959.

No México, existem 35.491 mortes e 304.453 casos.

Nos EUA, o epicentro da pandemia com mais de 138.247 perdas de vidas, 3.447.000 casos, foi demonstrado que o uso de uma máscara usada na luta contra o vírus, em comparação com os republicanos, é duas vezes mais comum entre os democratas. Segundo a pesquisa realizada pela empresa de pesquisa, enquanto 94% dos que apoiam os democratas indicaram que sempre ou com muita frequência usam máscara, essa proporção foi de 46% entre os democratas.

Na Itália, nas últimas 24 horas, a perda de vidas devido ao novo tipo de coronavírus aumentou 13 e subiu para 34.967. No país em que o número de casos ativos diminuiu para 13.157, em um dia 169 pessoas foram infectadas. Por outro lado, no país da região da Lombardia, no norte, mais afetado pela pandemia, a formação denominada “Nós denunciamos” estabelecida por parentes de falecidos devido ao Covid-19, hoje enviıy uma carta a Presidente da Comissão Europeia Ursula von der Leyen e ao Presidente do Tribunal Europeu de Direitos Humanos Róbert Ragnar Spanó e exigiu que investigações sobre denúncias criminais na Lombardia fossem investigadas. Este grupo foi ao Gabinete do Procurador Geral em Bergamo em 10 de junho e registrou cerca de 50 arquivos de queixas criminais.

Na França, 25 pessoas perderam a vida devido à pandemia nos últimos três dias, confirmando 30.029 mortes e 206.192 diagnosticadas com novos 288 casos em um dia.



Notícias relacionadas