O projeto que protegerá Veneza das enchentes foi testado pela primeira vez

O MOSE nomeado como "projeto sem fim", porque sua construção continua há anos, foi atualizado durante o desastre da inundação que Veneza experimentou em novembro de 2019

1453035
O projeto que protegerá Veneza das enchentes foi testado pela primeira vez

Na Itália, as barreiras eletromecânicas foram testadas pela primeira vez no projeto “MOSE”, que protegerá a cidade de Veneza, famosa por seus canais, contra inundações.

Hoje, uma fase crítica no projeto da barreira eletromecânica foi superada, cuja primeira pedra foi lançada em 2003, cujo nome italiano é "Modello di Supporto Elettromeccanico", com seu acrônimo italiano "MOSE".

Na pesquisa científica, o Projeto MOSE, que foi construído para proteger Veneza desses e de outros desastres similares, que é enterrada na água alguns milímetros por ano e está em risco de um grande desastre com o aumento da água em 100 anos, hoje foi testado pela primeira vez.

Com a cerimônia em que o primeiro-ministro Giuseppe Conte participou, quatro barreiras foram removidas, consistindo em 78 coberturas cobertas no fundo da água em três bocas da lagoa veneziana que se abre para o Mar Adriático e a conexão marítima com o lagoa.

O MOSE nomeado como "projeto sem fim", porque sua construção continua há anos, foi atualizado durante o desastre da inundação que Veneza sofreu em novembro de 2019.

Após as chuvas intensas no mês de novembro, o nível da água de 1966, com 187 centímetros, atingiu o "segundo nível mais alto" do MOSE, que não pôde entrar em vigor porque não pôde ser concluído, isso foi assunto de debate na opinião pública.



Notícias relacionadas