Europeus morrem mais devido a paralisia e acidente vascular cerebral

As doenças que mais resultam em mortes são infarto e paralisia com 36% e seguidas por câncer com 26%.

Europeus morrem mais devido a paralisia e acidente vascular cerebral

Crise cardíaca e a paralisia lideram entre as doenças terminou com o maior número de mortes nos paísesda UE.

Segundo os dados mais recentes publicados pelo Gabinete Europeu de Estatística, em 2016, em geral, a União perdeu 5,1 milhões de vidas.

33% dos que perderam a vida são formados por pessoas menos com menos de 75 anos e 29% têm entre 75 e 85 anos e 38% são mais de 85 anos.

As doenças que resultam em mais mortes são infarto e paralisia com 36% e seguidas por câncer com 26%.

Em geral, na UE, 5% das mortes são causadas por acidentes de trânsito e fatores externos.

A Bulgária emergiu como o país da UE onde a taxa de mortalidade é mais alta e seguida pela Letônia, Romênia, Lituânia e Hungria.

Os países com menor taxa de mortalidade são a Espanha, a França, a Itália, Malta e o Luxemburgo.



Notícias relacionadas