Vão ser enterradas mais vítimas do genocídio de Srebrenica

A cerimónia fúnebre de hoje contará com a presença de um ministro turco.

Vão ser enterradas mais vítimas do genocídio de Srebrenica

Serão hoje levadas a enterrar mais 33 vítimas do genocídio de Srebrenica, no qual foram cruelmente massacrados pelo menos 8 372 bósnios. Esta situação é considerada a maior tragédia humana na Europa depois da II Guerra Mundial.

Todos os anos, no dia 11 de julho, é realizada uma cerimónia fúnebre no Cemitério Monumental de Potochari, para enterrar as vítimas. Nesta cerimónia também irá marcar presença o ministro turco da Juventude e do Desporto, Mehmet Muharrem Kasapoglu.

As vítimas do massacre foram encontradas em fossas comuns anos depois do genocídio de Srebrenica, na região leste da Bósnia Herzegovina, que foi ocupada por forças militares sérvias no dia 11 de julho de 1 995. As vítimas serão agora enterradas após a oração do meio dia.

Depois da cerimónia de hoje, o número de vítimas enterradas no cemitério monumental passará a ser de 6 643.

O mais novo dos corpos agora a enterrar é Osman Cvrk, de 16 anos, e o mais velho é Saha Cvrk de 82 anos de idade no momento do massacre.



Notícias relacionadas