ONU acusa a Venezuela de ignorar que uma grande parte do país vive em pobreza extrema

"O governo recusa-se a reconhecer a magnitude da crise alimentar no país".

999019
ONU acusa a Venezuela de ignorar que uma grande parte do país vive em pobreza extrema

O Alto Gabinete da Comissão das Nações Unidas para os Direitos Humanos, denunciou que o governo da Venezuela "recusa-se a reconhecer a magnitude da crise alimentar no país, onde a maior parte vive em pobreza extrema".

A ONU diz também que "o governo recusa-se a reconhecer a magnitude da crise alimentar no país. A informação disponível dá conta de um rápido avanço da malnutrição infantil".

A declação do Alto Gabinete foi feita através de um comunicado, depois de ter sido publicado um relatório sobre as violações dos direitos humanos cometidas no país andino.

Segundo os números citados no relatório, 87% da população venezuelana vive na pobrezae 61,2% está numa situação de pobreza extrema.



Notícias relacionadas