Turquia reage contra conversa entre representante da ONU e líder terrorista

Aksoy anunciou que as iniciativas relevantes foram feitas imediatamente antes das autoridades da ONU após o incidente mencionado.

1492603
Turquia reage contra conversa entre representante da ONU e líder terrorista

A Turquia reagiu contra a entrevista entre o representante especial do Secretário-Geral das Nações Unidas para Crianças e Conflitos Armados, Virginia Gamba, e o líder da gangue terrorista separatista PKK / PYD / YPG - autodenominada FDS - Ferhat Abdi Şahin.

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Turquia, Hami Aksoy, enviou uma resposta por escrito à pergunta sobre a conversa entre os dois.

“O fato de Gamba ter conversado por teleconferência com o chefe do chamado FDS - sob o comando da gangue terrorista PKK / PYD / YPG - Şahin e outros membros da organização terrorista é uma situação terrível em termos de luta global contra o terrorismo ”, esclareceu o porta-voz.

Aksoy anunciou que as iniciativas relevantes foram feitas imediatamente antes das autoridades da ONU após o incidente mencionado.

“Esta atitude é uma violação aberta das resoluções da ONU sobre a luta contra o terrorismo. É um golpe para a credibilidade da ONU na luta contra o terrorismo. O método para prevenir os crimes mais graves contra a humanidade cometidos pela gangue terrorista PKK / PYD / YPG contra menores, como o assédio sexual e o recrutamento forçado, é a implementação de medidas para combater o terrorismo de forma sincera e eficaz, sem discriminar entre grupos terroristas”.



Notícias relacionadas