A Turquia reage a Macron pelo uso da expressão “linha vermelha” no Mediterrâneo Oriental

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Turquia, Hami Aksoy, reagiu ao presidente francês, que disse a França definiu uma política da linha vermelha contra a Turquia no Mediterrâneo Oriental.

1482071
A Turquia reage a Macron pelo uso da expressão “linha vermelha” no Mediterrâneo Oriental

“Aqueles que pensam em traçar linhas vermelhas contra o justo caso da Turquia no Mediterrâneo Oriental, enfrentarão apenas a posição decisiva do nosso país” - afirmou o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Turquia, Hami Aksoy, em reação às expressões do presidente francês, Emmanuel Macron, sobre a "aplicação de uma política da linha vermelha contra a Turquia no Mediterrâneo Oriental".

Aksoy continuou a sua intervenção da seguinte forma:

“Se houver uma linha vermelha na região, é apenas sobre os direitos sob da Turquia e dos cipriotas turcos, decorrentes do direito internacional. Está na hora de quem se vê ao espelho gigante enfrentar a verdade, e o tempo de mapear as abordagens imperialistas traçando linhas acabou”.



Notícias relacionadas