"O acordo de Sochi corre como planejado"

“Nosso objetivo é apenas os terroristas. Os curdos são nossos irmãos”, disse o ministro da Defesa Nacional, Hulusi Akar.

"O acordo de Sochi corre como planejado"

O ministro da Defesa Nacional turco, Hulusi Akar, disse que a prática no campo sob o acordo de Sochi segue como planejado.

Akar se reuniu com jornalistas na Representação Permanente da Turquia ante a OTAN, após a reunião dos Ministros da Defesa da OTAN na capital belga de Bruxelas. 

Expressou que a luta contra o terrorismo continua com determinação e seu único objetivo são os terroristas.

“Nosso objetivo é apenas os terroristas. Os curdos são nossos irmãos. Não somos diferentes com eles ”, enfatizou.

O ministro turco destacou a desinformação nas notícias falsas, especialmente na imprensa ocidental.

"Quando dizemos" PKK / YPG "e quando dizemos" terroristas ", a imprensa ocidental diz" os turcos farão uma operação contra os curdos ". Isso é impossível. Entramos em Tal Abyad, Ras al-Ayn. Vivem árabes, curdos, arameus, assírios. Existem pessoas de muitos grupos étnicos. Não temos nenhum problema com eles. A vida e os ativos de todos eles estão sob nossa garantia. Protegê-los é uma questão de honra para nós, todos devem saber ”, afirmou.

Hulusi Akar indicou que todos os direitos humanos e padrões internacionais são obedecidos na Operação Fonte de Paz.

É dada grande importância à sensibilidade da sociedade civil durante a operação, enfatizou Akar, que reagiu às campanhas de difamação.

“A limpeza étnica não é uma expressão tão simples de usar. É antiético falar e escrever de uma maneira que não tenha nada a ver com a verdade. 

Práticas desumanas como violações de direitos humanos e armas químicas nunca são possíveis ”, acrescentou.

Ele disse que o acordo de Sochi ocorre conforme o planejado.“Tudo está normal. (O acordo de Sochi) segue o planejado. As 150 horas terminam em 29 de outubro às 18:00, hora turca. 

Acompanhamos de perto o progresso até aquele momento. Vamos reavaliar a situação e fazer o que for necessário ”, afirmou.

Akar também se referiu à proposta da Alemanha sobre a Zona Segura.

“Quando vierem aqui, primeiro vamos entender completamente a proposta. Podemos manter nossas atividades em conformidade e unificação desta proposta com o trabalho que realizamos sob a liderança de nosso Sr. Presidente (Recep Tayyip Erdogan) e podemos concluir a avaliação ”, afirmou.



Notícias relacionadas