Turquia espera que os EUA se abstenham de tomar medidas que prejudiquem as relações bilaterais

Caso contrário, será natural que a Turquia realize uma nova busca ”, afirmou o ministro.

Turquia espera que os EUA se abstenham de tomar medidas que prejudiquem as relações bilaterais

O ministro da Defesa Nacional turco, Hulusi Akar, e o comando das Forças Armadas Turcas (FAS) tiveram uma reunião na sede após diálogos entre os comitês conduzidos com os EUA.

Akar referiu-se à reunião que colocou sobre a mesa a provável operação contra alvos terroristas a leste do rio Eufrates, na Síria.

“Transmitimos todo o nosso ponto de vista e nossas ofertas à delegação dos EUA. 

Esperamos que nos dê uma resposta imediata depois de avaliá-los. Mais uma vez enfatizamos que não poderíamos mais tolerar um novo atraso e que, se necessário, teríamos a iniciativa ”, afirmou o ministro Akar.

O chefe da Defesa recebeu o representante especial dos EUA para a Síria, James Jeffrey, na segunda-feira. 

Afirmou-se que os comitês militares de ambos os estados chegaram a um acordo para continuar os estudos conjuntos para a formação da Zona de Proteção.

Nesse contexto, os delegados militares dos dois países realizaram reuniões no Ministério da Defesa Nacional.

“É um direito da Turquia, como parceiro estratégico, esperar que os EUA se abstenham de tomar medidas que possam prejudicar as relações bilaterais entre os dois países em relação ao projeto do caça F-35. Caso contrário, será natural que a Turquia realize uma nova busca ”, disse o Ministério.


Etiquetas: Hulusi Akar , Turquia , EUA , Síria

Notícias relacionadas