Turquia manifesta preocupação pela decisão da Moldávia de mudar a sua embaixada para Jerusalém

O primeiro ministro da Moldávia, Pavel Filip, anunciou esta terça-feira que o seu país decidiu mudar a sua embaixada para Jerusalém.

Turquia manifesta preocupação pela decisão da Moldávia de mudar a sua embaixada para Jerusalém

O Ministério dos Negócios Estrangeiros da Turquia apresentou uma declaração escrita sobre a decisão da Moldávia, de mudar a sua embaixada para Jerusalém:

"Recebemos com profunda preocupação a informação de que a Moldávia irá mudar a sua embaixada em Israel de Telavive para Jerusalém. Parece-nos bastante estranha esta violação do direito internacional, através de contemplações da política interna sobre o tema do estatuto de Jerusalém, que tem uma importância chave na solução justa e permanente da questão palestiniana.

Convidamos os parceiros da comunidade internacional a que cumpram as resoluções da ONU sobre Jerusalém, e que respeitem o estatuto histórico e jurídico da cidade, bem como que evitem dar passos irresponsáveis que possam comprometer a estabilidade regional".

O primeiro ministro da Moldávia, Pavel Filip, anunciou esta terça-feira que o seu país decidiu mudar a sua embaixada para Jerusalém. O ministro dos Negócios Estrangeiros da Palestina já condenou esta decisão.

Por seu turno, a Organização para a Cooperação Islâmica também condenou a decisão do governo moldavo e apelou a que o país volte atrás nesta decisão.



Notícias relacionadas