Um soldado foi martirizado por terroristas do PKK na fronteira de Hakkari

O soldado ferido não pode ser salvo apesar de todas as intervenções

Um soldado foi martirizado por terroristas do PKK na fronteira de Hakkari

O Ministério da Defesa Nacional afirma que um soldado foi ferido no ataque perpetrado pelos terroristas do grupo terrorista separatista PKK contra a área de base na fronteira com Hakkari em 4 de maio. 

O sargento de infantaria profissional Celal Hayta foi ferido no ataque de mísseis perpetrado pelos terroristas separatistas, mas não pôde ser salvo apesar de todas as intervenções no Hospital de Pesquisa e Treinamento Gülhane em Ancara: 

"Que Allah aceite em sua glória os nossos mártires e desejamos condolências e paciência às suas famílias tristes, às Forças Armadas Turcas e à nossa nação sublime. "



Notícias relacionadas