Erdogan: “a Turquia vai destruir o corredor terrorista de lado a lado”

O presidente Recep Tayyip Erdogan dirigiu-se à população na Praça Cumhurriyet em Burdur.

Erdogan: “a Turquia vai destruir o corredor terrorista de lado a lado”

O presidente Recep Tayyip Erdogan disse que nunca será permitida a criação de um corredor terrorista na fronteira da Turquia, e que esse corredor terrorista será derrubado em toda a linha.

O presidente Recep Tayyip Erdogan dirigiu-se à população na Praça Cumhurriyet em Burdur.

Durante o seu discurso, o presidente turco falou sobre o corredor terrorista que se está a tentar criar no norte da Síria, com o apoio dos Estados Unidos e de alguns países ocidentais ao grupo terrorista separatista YPG/PKK.

“A Turquia não permitirá a criação de um corredor terrorista mesmo ao lado das suas fronteiras.

Os Estados Unidos enviaram 22 mil camiões com armas aos terroristas, através do Iraque. Mas quando pedimos para lhes comprar armas, pagando a dinheiro, os Estados Unidos não nos venderam. É isto uma aliança? Esperamos que Manbij seja purgado dos grupos terroristas, como nos prometeram. Vamos seguramente dar um duro golpe a este grupo terrorista” – afirmou Erdogan.

Erdogan sublinhou também que continua o regresso dos sírios às regiões limpas do terrorismo no norte da Síria, com as operações levadas a cabo pelas Forças Armadas da Turquia.

“Enviámos até agora 310 mil sírios para as regiões tornadas seguras. Quando limparmos Manbij e o leste do Rio Eufrates do terrorismo, milhões de sírios regressaram às suas casas” – sublinhou Erdogan.

O presidente da Turquia disse ainda que a única coisa que a Turquia quer, é que se respeite a sua justa luta e que essa luta seja apoiada: “ganhará quem estiver do lado da Turquia nesta região” – garantiu Erdogan.

Falando depois sobre o sistema de defesa antiaérea que a Turquia comprou à Rússia, o presidente turco disse o seguinte:

“Agora, os dirigentes americanos dizem-nos para não comprarmos o sistema S400. Mas porque é que iremos recuar? A Grécia tem o sistema S300 desde há anos. Porque é que não dizem nada?”.



Notícias relacionadas