Turquia se retira da Conferência sobre a Líbia na Itália

Turquia se retira da Conferência sobre a Líbia na Itália

Turquia se retira da Conferência sobre a Líbia na Itália

A Turquia decidiu retirar-se da Conferência sobre a Líbia na Itália.

O vice-presidente Fuat Oktay, que está visitando a Itália, anunciou que a Turquia está deixando a reunião com grande decepção.

"Infelizmente, a comunidade internacional não conseguiu fazer uma única reunião esta manhã. Alguns intervieram unilateralmente no processo, abusando do anfitrião da Itália com um fato consumido de última hora. Não haverá estabilidade na Líbia, pois alguns países continuam sabotando o processo de acordo com seus próprios interesses. Na Líbia, não precisa de mais intervenção, mas menos intervenção ".

Oktay indicou que, ao contrário de outros países, a Turquia está aberta a um amplo diálogo com todos os atores regionais e da Líbia.

"Não é possível que os responsáveis pela atual situação na Líbia contribuam positivamente para a melhoria do país. Não é possível que este tipo de reuniões sem a presença da Turquia contribua para o processo.

O fato de que se tenha organizado uma reunião informal entre alguns grupos esta manhã e que eles apresentaram-se como atores principais da região do Mediterrâneo, é uma abordagem enganosa e prejudicial que enfrentamos. A Turquia deixa esta reunião com grande decepção ", concluiu Oktay.



Notícias relacionadas