Erdogan aparece ante as câmeras antes de viajar para o Vaticano

"Vamos abordar a Palestina, Jerusalém, a Síria, o Iraque, a luta contra o terrorismo, os problemas dos refugiados e ajuda humanitária com o Papa Francisco"

Erdogan aparece ante as câmeras antes de viajar para o Vaticano

O presidente Recep Tayyip Erdogan, em sua conferência de imprensa no aeroporto de Atatürk, em Istambul, antes de viajar para o Vaticano, disse:

"Considero a minha visita ao Vaticano como uma oportunidade importante no contexto do estabelecimento de valores humanitários comuns e mensagens de amizade e paz".

Erdogan indicou que trocarão opiniões sobre a luta contra o racismo na reunião com o Papa Francisco, acrescentando:

"Vamos abordar a Palestina, Jerusalém, a Síria, o Iraque, a luta contra o terrorismo, os problemas dos refugiados e da ajuda humanitária. Além disso, trocaremos opiniões sobre a luta contra a islamofobia e o racismo cultural ".

Erdogan, referente às relações turco-italianas, expressou:

"Nosso volume comercial aproximou-se de 20 bilhões de dólares em 2017, mas o poder de ambos os países está além desse volume. Tentamos atingir 30 bilhões de dólares em 2020. Durante a minha visita, também discutiremos as etapas bilaterais que serão tomadas de acordo com esse objetivo ".

O presidente Erdogan, em sua declaração, também afirmou que o número de terroristas neutralizados na operação Ramo de Oliveira que é realizada há 16 dias na região síria de Afrin pelas Forças Armadas turcas aumentou para 935.



Notícias relacionadas