"A Turquia dará a resposta necessária para a proteção de seus cidadãos"

O primeiro-ministro observou que existe um trabalho conjunto entre os chefes de Estado Maior de vários países para a paz permanente na Síria

"A Turquia dará a resposta necessária para a proteção de seus cidadãos"

O primeiro-ministro da Turquia Binali Yıldırım, reuniu-se com representantes dos meios de comunicação no Aeroporto de Esenboğa (Ancara) antes de tomar o seu voo para Singapura.

"Vou conversar com o primeiro-ministro Lee Loong, manteremos contatos em instalações industriais e dirigirei minhas palavras para empresários e ONGs de Singapura. Além disso, no Vietnã, será a primeira visita de um primeiro ministro turco. É uma área de novos negócios. Vamos negociar o que poderia ser feito no futuro. Singapura é considerado nosso parceiro estratégico. Nossas relações continuam a avançar. O TLC assinado no G-20 em 2015 entrou em vigor há quinze dias. Isso significa o início de uma nova era para as relações Singapura-Turquia ", disse ele.

Quando perguntado se vai realizar ou não uma operação em Afrin e Idlib na Síria, o primeiro-ministro Yıldırım disse que "a área é como uma caldeira em ebulição. Não se sabe quem concorda com quem. Os grupos terroristas continuam a dominar uns sobre os outros. Uma Instabilidade severa. O custo é pago pelas pessoas inocentes de lá. Como a Turquia é um país vizinho, existe uma ameaça terrorista contínua. Ontem de manhã, cinco membros do DAESH foram capturados. Eles estão sob controle ".

"A Turquia dará a resposta necessária - tanto no interior como no exterior - para proteger a vida de seus cidadãos e de suas fronteiras".

O primeiro-ministro observou que existe um trabalho conjunto entre os chefes de Estado de vários países para a paz permanente na Síria. "Há um processo em Astana. O objetivo é tornar permanente o cessar-fogo provisório e alcançar a paz permanente na Síria. Há esforços e ofertas para a paz. Os chefes de Estado Maior de outros países visitam a Turquia em relação com esse processo ".

 



Notícias relacionadas