Reação da imprensa mundial sobre o referendo de 16 de abril na Turquia

Muitos meios de comunicação internacionais informaram as palavras do Presidente turco Erdogan, em interpretação simultânea

Reação da imprensa mundial sobre o referendo de 16 de abril na Turquia

Os olhos do mundo estão voltados para a Turquia que votou a favor da emenda constitucional para estabelecer a alteração do governo para o sistema presidencial.

Muitos meios de comunicação internacionais informaram as palavras do Presidente turco Erdogan, em interpretação simultânea.

CNN Internacional: "Erdogan reivindica a vitória".

A cadeia disse que países como o Azerbaijão, Qatar, Paquistão, Arábia Saudita Macedônia felicitaram o presidente.

BBC (Reino Unido): "Os turcos apoiaram a convocação do presidente por amplos poderes presidenciais. Aqueles que disseram "Sim" indicam a transição para este sistema na Turquia". A cadeia se refere os discursos de Erdogan e o primeiro-ministro Binali Yıldırım.

The New York Times analisou a política que seguirá Erdogan com a Europa: "Os analistas continuam divididos sobre a questão da política adotada pelo presidente. Alguns dizem que Erdogan, que triunfou na consulta, suavizará o tom; outros dizem que ele dificultará o caminho. "

Guardian anunciou que o discurso de vitória do presidente teve um tom suave.

O Le Monde: "A frente de Erdogan reivindica a vitória".

Haaretz (Israel): Aqueles que votaram a favor da emenda esperam que a presidência traga a paz e a estabilidade aos ataques terroristas, depois do golpe fracassado de 15J da organização terrorista FETO.

Sputnik: "A decisão sobre a consulta é o prenúncio de uma nova era".

Russia Today: "Erdogan apelou a outros países a respeitar o resultado do referendo".



Notícias relacionadas