PM turco: A Turquia é uma "ilha de estabilidade" no Médio Orient

O Primeiro Ministro Davutoglu destaca a igualdade entre os vários estratos sociais e a luta contra o sectarismo em comício eleitoral antecipado no Leste do país.

PM turco: A Turquia é uma "ilha de estabilidade" no Médio Orient

O Primeiro Ministro Davutoglu referiu-se no domingo à Turquia como sendo uma “Ilha de Estabilidade” no Médio Oriente, e alertou contra a ameaça da discórdia ao mesmo tempo que prometeu combater o sectarismo.

“Acima de tudo, devemos a nossa estabilidade à nossa fraternidade, à nossa democracia e à cultura que herdámos dos nossos antepassados” – disse Davutoglu durante o congresso provincial do seu partido (AKP) em Batman.

No seu discurso, Davutoglu disse que aqueles que discriminam entre turcos e curdos não são confiáveis, e prometeu que todos os cidadãos viverão com justiça de Leste a Oeste do país.

“Não permitiremdiscriminação entre turcos e curdos, e entre alevis e sunis”, disse o primeiro ministro, que acrescentou também que na Turquia e fora dela há quem tente transformar o país numa Síria ou no Iraque – referindo-se aos protestos de Gezi Park, à operação anti-corrupção que visou o governo e aos protestos curdos em Outubro.

Davutoglu disse que só a fraternidade é capaz de manter a Turquia unida.

Os protestos de Gezi Park começaram no Verão de 2013, quando o município de Istambul quis cortar algumas árvores num dos raros espaços verdes da cidade, para permitir a construção no local.

No final do mesmo ano, um conjunto de investigações policiais visaram o então primeiro ministro (agora presidente) e alguns dos seus aliados mais próximos, tendo o governo considerado que essas investigações eram na verdade uma tentativa de golpe de estado.

Em Outubro de 2014, protestos curdos deixaram mortas 40 pessoas na sequência da inação do governo turco, perante o cerco do Estado Islâmico às populações curdas na fronteira com a Síria.


Etiquetas:

Notícias relacionadas