Revista de Imprensa Internacional: 13.03.2019

Aqui ficam algumas das notícias mais importantes sobre o mundo e a Turquia na imprensa internacional:

Revista de Imprensa Internacional: 13.03.2019

Notícias em Língua Espanhola

RT em Espanhol: “Novo impulso para a investigação sobre os 43 estudantes desaparecidos de Ayotzinapa no México”

Sputnik Mundo: “Guaidó assegura que retirará “muito em breve” Maduro do palácio presidencial”

El Universal (México): “Venezuelanos protestam contra Maduro por causa do apagão”

 

Países Árabes

Al Sharq Al Awsat (jornal saudita publicado no Reino Unido): “Washington: Teerão quer transformar o Iraque numa das províncias do Irão”

Ahbar Al Khalij (Bahrein): “Vários países fecham o seu espaço aéreo ao Boeing 737 MAX 8”

Al Raya Al Qatariya (Qatar): “Israel encerrou a Mesquita de Al Aqsa. Os fiéis foram sujeitos a violência”

 

Alemanha

ARD TV: “Escândalo nos EUA: os ricos e famosos subornam as universidades de elite para que aceitem os seus filhos”

DW: “A cidade mexicana de Tijuana é a mais perigosa do mundo”

Wirtschaftwoche: “Brexit: para que países irá o capital que foge do Reino Unido?”

 

Rússia

Lenta.ru: “Japão reagiu contra as manobras russas nas Ilhas Curílias”

Izvestiya: “Clima de medo na Ucrânia relatado à ONU”

Agência TASS: “Pompeo anunciou que os Estados Unidos exigiram aos seus aliados na Europa que deixem de depender do gás russo”

 

França

Le Parisen: “A contaminação do ar no metro é 30 vezes superior à das ruas de Paris”

Le Figaro: “Macron assina um acordo de defesa sem precedentes com a Etiópia”

Libération: “Segundo o Eliseu, apenas Londres será capaz de encontrar uma solução para a rua sem saída”

 

Países Lusófonos

O Globo (Brasil): “Supremo julga hoje caso que pode levar a anulações na Lava-Jato. STF decide se crimes de caixa 2 ficam na Justiça comum ou eleitoral”

Diário de Notícias (Portugal): “Coincidências que ligam Bolsonaro aos suspeitos do crime de Marielle agitam internet. Ronnie Lessa, acusado dos disparos, mora no mesmo condomínio do presidente da República. E uma filha sua terá namorado Carlos Bolsonaro. O suspeito de guiar a viatura de onde saíram os tiros foi fotografado abraçado ao chefe de estado”

Jornal de Angola: “Morrem doentes abandonados pelas famílias. O Hospital Américo Boavida, em Luanda, registou desde Janeiro último, a morte de 19 doentes que deram entrada sem identidade e abandonados pelas suas famílias, um fenómeno recorrente, que Agostinho Matamba considerou “muito preocupante”.



Notícias relacionadas