Revista de Imprensa Estrangeira: 07.01.2019

Aqui ficam algumas das notícias mais destacadas sobre a Turquia e o mundo na imprensa internacional:

Revista de Imprensa Estrangeira: 07.01.2019

Le Figaro: Segundo um relatório da ONU, o tráfico de pessoas não está a ser devidamente punido.

 

Le Parisien: Pedofilia na igreja: o cardeal Philippe Barbarin, o arcebispo de Lyon, compareceu perante a justiça por não denunciar os casos que conhecia de pedofilia.

 

Le Monde: O governo francês foi posto à prova pelo movimento dos Coletes Amarelos e pelos atos de violência.

 

Deutsche Welle: A polícia registou as residências depois do ataque dos hackers.

 

Televisão ARD: Assassinato de Yamal al Badawi, o terrorista da Al Qaeda.

 

Deutsche Welle: Greve de aviso no Aeropuerto de Berlim.

 

Handelsblatt: As empresas familiares consideram a Alemanha menos atrativa.

 

RIA Novosti: O presidente da Rússia, Vladímir Putin, celebrou o Natal Ortodoxo na Catedral da Transfiguração de São Petersburgo.

 

TASS: O irmão do cidadão americano detido na Rússia diz que o seu irmão não pode ser um espião.

 

Sputnik: O patriarca Bartolomeu de Constantinopla entregou o 'Tomos' (decreto) de autocefalia à nova Igreja Ortodoxa da Ucrânia.

 

Alsharq Alawsat: O assessor de Segurança Nacional dos Estados Unidos, John Bolton, indicou que as tropas dos Estados Unidos não se irão retirar da Síria, até que os terroristas do DAESH que ainda subsistem sejam totalmente eliminados e a Turquia garanta a segurança dos curdos.  

Alquds Alabari: Uma jovem saudita não quer ser repatriada de Bangkok, com medo de ser morta se voltar a Riade.

 

Al Jazeera: Pergunta difícil da CBC a Sisi: Você é um ditador militar?

 

El PaísO ano eleitoral põe à prova a liderança de Pablo Iglesias à frente do Podemos.

 

El Mundo: Pedro Sánchez acalma os barões do partido: não haverá um 'super domingo' eleitoral a  26 de maio.

 

La Vanguardia: A recuperação dos salários médios também não acontecerá em 2 019.

 

Diário de Notícias: Quase 60% dos jovens em Portugal começam a trabalhar sem terem terminado um curso superior.

 

Jornal de Notícias: Frio continua. Temperaturas podem chegar aos 5 graus negativos.

 

Expresso:Comida a mais tira até dois anos e meio de vida aos cães. Os donos que caem na tentação de dar restos aos seus animais condenam-nos à morte prematura.



Notícias relacionadas