Argélia: "A França mostrou sua verdadeira face durante o período colonial"

O presidente argelino dirigiu-se ao público por ocasião do Dia Nacional dos Mujahideen.

1476879
Argélia: "A França mostrou sua verdadeira face durante o período colonial"

O presidente argelino, Abdelmadjid Tebboune, disse que a França mostrou a sua verdadeira face com os crimes contra a humanidade que cometeu durante o período colonial.

Segundo a agência de notícias argelina APS, o Tebboune dirigiu-se ao público por ocasião do Dia Nacional dos Mujahideen.

"A França cometeu crimes brutais contra o povo argelino. Esses crimes durante o período colonial revelaram a verdadeira face da França no 'lema da civilização'", disse Tebboune em sua mensagem.

O presidente argelino lembrou que os restos mortais de 24 líderes da resistência de seu país contra o colonialismo francês foram repatriados do governo de Paris em julho e prometeu continuar esse processo até o fim, para que a repatriação dos restos mortais de todos os mártires para sua pátria.

No Museu do Homem de Paris, capital da França, estão 18 mil crânios trazidos de várias partes do mundo.

Foi revelado que 36 dos 500 crânios identificados pertenciam aos mujahideen argelinos que foram assassinados em meados do século 19, quando a França começou a colonizar a Argélia.

Organizações de direitos humanos e historiadores afirmam que durante o período colonial da França entre 1830 e 1962, massacres foram cometidos contra argelinos e centenas de milhares de pessoas foram deportadas.

A Liga Argelina para a Defesa dos Direitos Humanos  (LADDH) observou que cerca de 10 milhões de pessoas foram mortas durante a colonização francesa.


Etiquetas: #França , #LADDH , #Argélia

Notícias relacionadas