Apoio palestino à decisão sobre a Hagia Sophia

O grupo apoiou a abertura da Hagia Sophia para culto como mesquita, enfatizando que esse é o direito dos muçulmanos.

1457156
Apoio palestino à decisão sobre a Hagia Sophia

Um grupo palestino fez uma visita de apoio ao Consulado Geral da Turquia em Jerusalém, que fica em Jerusalém Oriental sob ocupação israelense, por ocasião da abertura da Hagia Sophia ao culto como mesquita.

Um grupo de palestinos, também incluindo líderes de opinião, se reuniu na quinta-feira em frente ao Consulado Geral da Turquia em Jerusalém.

O grupo que carregava bandeiras e fotos turcas do presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, e da mesquita Hagia Sophia, foi recebido à porta pelo chefe da missão interina do Consulado Geral da Turquia em Jerusalém, embaixador Ahmet Rıza Demirer.

Wadi al-Jabari, porta-voz das tribos Al-Jalil, que estava no grupo, declarou que apoia a abertura da Hagia Sophia para culto como mesquita, acrescentando que esse é o direito dos muçulmanos.

Por outro lado, o xeique Nuraddin er-Rajabi, uma das figuras proeminentes em Jerusalém, descreveu a decisão relevante como adequada.

O grupo deixou o consulado geral depois de tirar uma foto do grupo com o embaixador Demirer.



Notícias relacionadas