Líbano: "Não permitiremos violações contra nossas águas territoriais"

Aoun disse que estão analisando relatos de que Israel começou a procurar petróleo na controversa zona marítima entre os dois países.

1445791
Líbano: "Não permitiremos violações contra nossas águas territoriais"

O presidente libanês Michel Aoun expressou que consideram extremamente perigoso o começo de Israel à procura de petróleo na controversa zona marítima entre os dois países.

Michel Aoun recebeu uma delegação de clérigos da Igreja Greco-Católica no Líbano e, em alguns países, presidida pelo Patriarca de Antioquia da Igreja Greco-Católica Melkita no Palácio Presidencial de Baabda, a leste da capital Beirute.

Aoun disse que estão analisando relatos de que Israel começou a procurar petróleo na controversa zona marítima entre os dois países, acrescentando:

"Este é um assunto muito perigoso e tornará a situação mais difícil".

O Presidente Aoun, sublinhando que nunca permitirão violações contra suas águas territoriais acrescentou:

"Não permitiremos violações dos blocos de petróleo e gás, especialmente na Zona Econômica Exclusiva, na costa sul, e no Bloco 9, onde o Líbano começará a explorar em alguns meses".

Segundo a mídia israelense, a mídia libanesa informou que o governo de Tel Aviv aprovou sua exploração de petróleo e gás no local do nono bloco na controversa fronteira marítima dos dois países.



Notícias relacionadas