Mais de 7,5 milhões de casos confirmados de coronavírus em todo o mundo

O número de casos confirmados ascende a 7 550 000 e o número de pacientes recuperados subiu para 3 825 000.

1434779
Mais de 7,5 milhões de casos confirmados de coronavírus em todo o mundo

O número de mortos pelo novo tipo de coronavírus em todo o mundo já ultrapassa os 424 240. O número de casos confirmados é agora de 7 617 000 e o número de pacientes recuperados subiu para 3 855 263.

Itália: O país registou mais 53 mortes por coronavírus na quinta-feira, elevando o número de mortes no país para 34 167. A tendência de desaceleração das mortes, registadas em maio, continuou no início de junho, confirmando que o pior da pandemia ficou para trás. A contagem de infeções ativas caiu novamente na quinta-feira, com um total de 30 637 pessoas doentes, em comparação com os registados na quarta-feira, que eram 31 710. Ou seja, houve uma diminuição de 1 073 pacientes ativos- segundo informou a Agência Anadolu.

A ministra da Saúde de Itália, Roberta Speranza, falou na Câmara dos Deputados e disse que o coeficiente (Rt) de contágio do vírus caiu abaixo de 1 em todo o país. A ministra alertou no entanto  que "niguém está seguro até haver uma vacina".

França: 27 pessoas morreram nas últimas 24 horas. O número de mortos subiu para 29 346. O número de infetados aumentou para 192 966, com mais 545 infeções na quinta-feira.

Espanha: Não há registos de mortes por coronavírus há quatro dias. De acordo com os critérios atualizados pelo Ministério da Saúde, o número de mortos permanece em 27 136. No início desta semana morreram 32 pessoas. O número total de infeções é de 242 707.

MAPA DE CORONAVIRUS NO MUNDO

Portugal: com mais 7 mortes em 24 horas, o número de fatalidades é de 1 504 e registaram-se 35 910 infeções.

México: 587 novas mortes e 4 790 novos casos positivos de coronavírus (COVID-19) esta quinta-feira. De acordo com o último relatório do Diretor Geral de Epidemiologia da Secretaria Geral de Saúde, José Luis Alomía, o país norte-americano tem um total de 15 944 mortes e 133 974 infeções.

Peru: com mais 206 mortos, o número de fatalidades subiu para 6 109 e há um total de 214 788 casos confirmados.

Austrália: 102 mortos e 7 297 infetados. O primeiro-ministro, Scott Morrison, levantou as restrições no país e passam a ser possíveis reuniões de 100 pessoas em áreas cobertas e abertas, desde que seja seguida a regra dos 4 metros quadrados por pessoa.

Reagindo aos protestos deste fim de semana de apoio aos refugiados, Morrison disse que os manifestantes arriscam as suas próprias vidas e as dos australianos, alertando os manifestantes de que não estão a respeitar as regras sanitárias ainda em vigor.



Notícias relacionadas