Pentágono considera que não haverá uma vacina contra o coronavírus até meados de 2 2021

O Departamento de Defesa dos Estados Unidos considera que pode haver várias vagas de epidemia.

1421304
Pentágono considera que não haverá uma vacina contra o coronavírus até meados de 2 2021

De acordo com um documento interno, o Pentágono considera que não haverá uma vacina contra a pandemia de covid-19 até ao verão de 2 021, e que pode haver várias vagas de epidemia no mundo.

O documento contém o nome do secretário da Defesa americano, Mark Esper, mas não está assinado por ele. O documento diz também “estamos perante um longo e sério processo devido à probabilidade de repetição do covid-19 no futuro”.



Notícias relacionadas