Trump quer manter tropas no Iraque para observar o Irã um pouco

Em uma entrevista ao canal da CBS, Trump decidiu sobre a presença dos EUA no Afeganistão e a possível retirada das tropas dos EUA daquele país.

1138456
Trump quer manter tropas no Iraque para observar o Irã um pouco

"Vamos voltar se for preciso, podemos voltar muito rapidamente e não vou sair", declarou o presidente dos EUA, Donald Trump, no que corresponde à decisão de retirar seu país da Síria.

Em uma entrevista ao canal CBS, Trump falou sobre a presença dos EUA no Afeganistão e a possível retirada das tropas dos EUA daquele país: 

"Nós estamos lá há muito tempo, ficamos na Síria por anos, embora tenhamos que ficar. Estamos no Afeganistão há 19 anos, negociamos com o Talibã e vamos ver o que vai acontecer, acho que estão cansados, acho que todos estão cansados, temos que acabar com essas guerras intermináveis ​​e temos que trazer o nosso povo de volta, mas nossa inteligência continuará monitorando de perto, deixarei uma verdadeira inteligência no Afeganistão".

No que se refere à possibilidade de grupos terroristas ressurgentes como a Al Qaeda após a retirada das tropas dos EUA da Síria e disse: 

"Se for necessário, vamos voltar muito rapidamente. Nós temos uma base incrível .. no Iraque, onde os EUA continuarão a lutar contra o DAESH enquanto se retiram lentamente da Síria. Não são implantados 2.000 soldados como parte de uma coalizão internacional contra o grupo terrorista DAESH. Eles estão no processo de começar a deixar o país, assim que nós recuperarmos o que sobrou de território das mãos do DAESH, voltamos a nossa base no Iraque e, eventualmente, voltamos para casa, mas vamos estar lá e vamos continuar" .

Trump não especificou quanto tempo levaria o processo de retirada dos soldados americanos da Síria e declarou:

"Temos que proteger Israel, temos que proteger outras coisas que temos, mas eles voltarão em questão de tempo".

Trump disse que quer manter os soldados americanos no Iraque para que ele possa observar o Irã um pouco, o que ele considera o "problema real" no Oriente Médio.

Trump insistiu que ele não tem intenção de lançar um ataque ao Irã a partir dessa base. "Eu quero ser capaz de observar aquele país. Temos uma base militar incrível no Iraque, está perfeitamente posicionada para observar a região do Médio Oriente. Muitas pessoas não entendem. Queremos a continuar assistindo para ver se há problemas, para procurar armas nucleares", disse ele.

Trump disse que a entrada dos EUA no Iraque e no Oriente Médio é um "grande erro".


Etiquetas: #Trump , #Irã

Notícias relacionadas