Guterres pede uma investigação "credível" sobre o assassinato de Khashoggi

O Secretário Geral das Nações Unidas apareceu diante das câmeras em uma conferência de imprensa durante o Fórum de Doha, organizado no Qatar.

Guterres pede uma investigação "credível" sobre o assassinato de Khashoggi

O Secretário Geral das Nações Unidas, António Guterres, apelou a uma "investigação credível" sobre o assassinato do jornalista saudita Jamal Khashoggi.

Guterres apareceu diante das câmeras em uma conferência de imprensa durante o Fórum de Doha, organizado no Qatar.

"Eu mantenho o que dissemos desde o começo: é absolutamente essencial ter uma investigação confiável e punir os culpados", disse o chefe das Nações Unidas.

O jornalista saudita Jamal Khashoggi, colunista do Washington Post, foi brutalmente assassinado em 2 de outubro no Consulado Geral de seu país em Istambul, onde foi recolher alguns documentos que lhe permitiriam se casar.

O governo da Arábia Saudita anunciou em 20 de outubro que Khashoggi foi morto após uma briga no consulado.



Notícias relacionadas