O senador dos EUA, Rand Paul, entrega carta de Trump a Putin

"Eu tive a honra de entregar uma carta do presidente Trump para a administração do presidente Putin", disse Rand Paul.

O senador dos EUA, Rand Paul, entrega carta de Trump a Putin

O senador norte-americano Rand Paul, que fez uma visita oficial à Rússia, apresentou à administração do presidente russo Vladimir Putin a carta do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Paul ofereceu uma declaração em sua conta no Twitter.

"Eu tive a honra de entregar uma carta do presidente Trump para a administração do presidente Putin. Na carta, enfatizou-se a importância de aumentar a luta contra o terrorismo e o diálogo entre os parlamentos, bem como desenvolver a cooperação em diferentes áreas, incluindo a continuidade do intercâmbio cultural", escreveu ele.

O Kremlin confirmou que recebeu a carta.

O porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, indicou que a carta foi recebida através de canais diplomáticos, e eles esperam que ela seja lida por Putin o mais rápido possível.

Paul, do Partido Republicano, reuniu-se com os representantes do Conselho da Federação Russa e da Duma, bem como com as autoridades do Ministério das Relações Exteriores.

O senador americano, Rand Paul, manterá nesta quinta-feira, 9 de agosto, uma série de palestras em São Petersburgo, incluindo representantes da administração da cidade.

Paul, que é a favor da reaproximação com a Rússia, e que apoiou a cúpula realizada entre Trump e Putin em 16 de julho na capital finlandesa de Helsinque, anunciou que o objetivo de sua visita a esse país é encorajar o diálogo entre os dois países.

"O mundo é um lugar complicado. Estamos em uma posição muito próxima com a Rússia sobre a Síria e outros lugares. Seria um grande erro se não tivéssemos canais de comunicação abertos", disse Paul, que convidou uma delegação do Parlamento russo para Washington.



Notícias relacionadas