Bélgica aprova extradição de Salah Abdeslam para a França

Abdeslam Salah, o suposto mentor logístico dos ataques de 13 de novembro, em Paris, está disposto a cooperar com as autoridades francesas

Bélgica aprova extradição de Salah Abdeslam para a França

Bélgica extraditará Salah Abdeslam para a França, o suposto mentor logístico dos ataques de 13 de novembro, em Paris, que fugiu após, porém foi preso em Bruxelas em 18 de março.

O advogado de Abdeslam Salah disse que seu cliente está disposto a cooperar com as autoridades francesas.

Abdeslam, 26 anos, foi um dos autores dos ataques em Paris a partir de 13 de novembro, que deixaram 130 mortos. Sete homens-bomba se explodiram enquanto Abdeslam fugiu do França, onde deveria ter ativado o seu cinto de explosivos.

Quatro dias após a captura de Abdeslam, 32 pessoas morreram nos ataques terroristas no aeroporto e metro de Bruxelas em 22 de março.

Enquanto isso, os preparativos foram concluídos para a reabertura do aeroporto de Zaventem, em Bruxelas.

É esperada a autorização das autoridades da Bélgica para iniciar parcialmente voos no aeroporto.



Notícias relacionadas