Dezenas de mortos em um ataque suicida perpetrado ontem no Afeganistão

Há mulheres e crianças entre as vítimas fatais e feridos

Dezenas de mortos em um ataque suicida perpetrado ontem no Afeganistão

Ontem à tarde, em Cabul, no Afeganistão foi perpretado um ataque suicida em uma cerimônia de casamento, onde 63 pessoas morreram, incluindo mulheres e crianças, e houve 182 feridos. 

Às 22:40, hora local, o ataque foi realizado na sala de casamentos Kasri Dubai, na 6ª zona de segurança de Cabul, e o kamikaze explodiu a bomba presa ao seu corpo nas proximidades do palco onde os participantes do casamento dançavam, entre eles crianças e músicos.

O porta-voz da presidência do Afeganistão, Sadik Siddiki, condenou o ataque terrorista por meio de seu relato oficial: “Ficamos profundamente tristes com o ataque suicida em um salão de festas em Cabul. É um crime vil perpetrado contra o nosso povo ”.

O ataque no oeste de Cabul, onde os membros da comunidade xiita de Hazara vivem principalmente, é o ataque terrorista mais sangrento deste ano no Afeganistão. 

Embora nenhum grupo tenha assumido a responsabilidade pelo ataque, o grupo terrorista talibã também condenou o ataque.



Notícias relacionadas