Surto de cólera mata 1.310 iemenitas desde abril

Mais de 200 mil casos suspeitos de cólera foram relatados no Iêmen.

Surto de cólera mata 1.310 iemenitas desde abril

Uma epidemia de cólera matou cerca de 1.310 pessoas em Iêmen devastado pela guerra desde o final de abril, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Em uma declaração no sábado, o escritório da OMS no Iêmen disse que mais de 200.000 casos suspeitos de cólera foram registrados no país desde 27 de abril.

Na sexta-feira, a agência da ONU disse que 1.256 pessoas morreram do surto com a província do Hajjah, no noroeste, registrando o maior número de mortes.

A OMS antes alertou que os três anos de luta no Iêmen destruíram o setor de saúde do país, dificultando a luta contra a epidemia.

De acordo com funcionários da ONU, mais de 10 mil pessoas foram mortas na guerra, enquanto mais de 11% da população do país foi deslocada como resultado direto do conflito.



Notícias relacionadas