OSCE pede cessar-fogo entre os exércitos do Azerbaijão e da Arménia

“Apelo às partes para que voltem ao cessar-fogo, antes que ocorram mais mortes devido a este conflito” - afirmou Rama.

1498813
OSCE pede cessar-fogo entre os exércitos do Azerbaijão e da Arménia

A Organização para a Segurança e Cooperação na Europa (OSCE), fez uma declaração através de Edi Rama, o presidente rotativo da organização e primeiro-ministro da Albânia, sobre os confrontos armados entre o Azerbaijão e a Arménia.

Rama referiu-se ao aumento do número de vítimas civis devido à escalada da tensão e dos conflitos entre as duas nações em Nagorno-Karabakh.

“Apelo às partes para que voltem ao cessar-fogo antes que ocorram mais mortes devido a este conflito. Apoiamos totalmente todos os esforços pela estabilidade na região. A única solução para o conflito entre os dois estados são as negociações pacíficas” - afirmou Rama, que também expressou as suas condolências às famílias dos mortos nos conflitos.

No domingo, os confrontos entre a Arménia e o Azerbaijão começaram depois das forças arménias terem atacado assentamentos civis na fronteira.

O exército do Azerbaijão iniciou um contra-ataque e libertou algumas das localidades ocupadas.



Notícias relacionadas