Bartolo: "Um confronto militar seria mais doloroso para a região"

Numa conferência de imprensa conjunta com o seu homólogo grego, Nikos Dendias, o ministro maltês declarou que "Malta é a favor de métodos pacíficos para resolver as disputas".

1487009
Bartolo: "Um confronto militar seria mais doloroso para a região"

O ministro das Relações Exteriores de Malta, Evarist Bartolo, disse que a crescente tensão no Mediterrâneo Oriental deve ser resolvida através do diálogo.

Numa conferência de imprensa conjunta com o seu homólogo grego, Nikos Dendias, o ministro maltês declarou que "Malta é a favor de métodos pacíficos para resolver as disputas".

Bartolo destacou a importância para o seu país da Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar.

“Os desenvolvimentos no Mediterrâneo Oriental têm o potencial de influenciar outras regiões. Sei que não é fácil chegar a acordo, mas será mais doloroso se a alternativa do confronto militar for colocada em prática” – afirmou o ministro maltês.



Notícias relacionadas