O coronavírus continua afetando o mundo com impactos na vida social e econômica

Itália com 197 mortos; O Irã, com 124, e a Coréia do Sul, com 42, são os países fora da China, onde mais vítimas deixaram o coronavírus.

1373992
O coronavírus continua afetando o mundo com impactos na vida social e econômica

A epidemia de coronavírus prejudicou a economia italiana. Os impactos da epidemia continuam afetando eventos de turismo, saúde, indústria e esportes em todo o país. O mercado de ações italiano perdeu um valor de 16% desde 21 de fevereiro. As reservas para viagens e vôos turísticos chegaram a 90% em Roma, Milão e Florença.

Nicola Zingaretti, presidente da administração regional da Lazio e líder do Partido Democrata, parceiro da coalizão italiana, anunciou que os médicos o diagnosticaram com o novo tipo de coronavírus (Covid-19).

Por outro lado, o número de vítimas na França chegou a 9, com 577 casos.

Na Espanha, o número de mortes aumentou para seis. A Comunidade Autônoma de Madri encerrou visitas a 213 casas de repouso.

21 passageiros de cruzeiros de 3.500 pessoas na Califórnia testaram positivo para o Covid-19.

O coronavírus, detectado pela primeira vez na cidade chinesa de Wuhan, matou 3.460 pessoas, segundo dados da Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos. Além disso, cerca de 101.600 foram infectados pelo vírus que se acredita ter sido transmitido aos seres humanos através de animais, principalmente morcegos.

Itália com 197 mortos; O Irã, com 145, e a Coréia do Sul, com 42, são os países fora da China, onde mais vítimas deixaram o coronavírus.

Segundo uma agência semi-oficial do Irã, Tesnim, MP Fatema Rahber , morreu no hospital devido ao coronavírus.

Rahber tinha 56 anos. Tendo conseguido entrar no parlamento nas eleições do 11º legislativo.



Notícias relacionadas