Macron convidou o Papa Francisco a França

O presidente francês Emmanuel Macron falou ao telefone com o Papa Francisco sobre o incêndio na Notre Dame.

1186514
Macron convidou o Papa Francisco a França

O presidente de França, Emmanuel Macron, anunciou que convidou ao seu país o líder da Igreja Católica, o Papa Francisco, com quem manteve uma conversa telefónica sobre o incêndio na histórica Catedral de Notre Dame.

“Convidei-o a vir a França, ele virá no momento oportuno” – afirmou Macron.

O presidente francês referiu-se também ao trabalho dos bombeiros, dizendo que “agradeço-vos pelos riscos que correram para apagar o incêndio. Sois um exemplo para França e para todo o mundo”.

O Vaticano classifica a Notre Dame de “um símbolo do cristianismo em França”.

Durante o incêndio da Catedral de Notre Dame – um dos símbolos de Paris - esta segunda feira, dia 15 de abril, o teto da catedral e uma torre com 93 metros de altura foram completamente destruídos. O incêndio foi combatido por 400 bombeiros, que conseguiram salvar o campanário norte e a nave principal do edifício.

O procurador geral da República de Paris, Remy Heitz, indicou que tudo indica que o incêndio tenha sido causado por acidente e não por sabotagem.



Notícias relacionadas