Trump sanciona transações de ouro do governo de Maduro

O presidente dos EUA, Donald Trump, assinou uma ordem executiva impondo sanções às exportações de ouro e outros setores da economia da Venezuela.

1080619
Trump sanciona transações de ouro do governo de Maduro

Os Estados Unidos anunciaram sanções às "transações ilícitas" do governo do líder venezuelano, Nicolás Maduro, relacionadas ao setor do ouro, por meio de uma ordem executiva (decreto) assinada pelo presidente Donald Trump. 

O pedido visa impedir que cidadãos norte-americanos se envolvam com aqueles que fazem "transações fraudulentas e corruptas" com o ouro venezuelano, explicou John Bolton, conselheiro de segurança nacional de Trump.

O texto do decreto explica que a medida se justifica "à luz das ações do regime de Maduro e pessoas associadas ao saquear a riqueza da Venezuela para seus próprios propósitos corruptos, degradar a infra-estrutura da Venezuela e seu ambiente natural através de má gestão econômica e confisco de mineração e práticas industriais". 

A ordem executiva indica que, com isso, o governo de Maduro catalisa "uma crise migratória regional" e desconsidera "as necessidades básicas do povo da Venezuela". 

Assim, o despacho bloqueia "todos os bens e interesses de qualquer pessoa, determinados pela Secretaria do Tesouro, em consulta com o Secretário de Estado".

Também censura qualquer pessoa que tenha "auxiliado materialmente, patrocinado ou fornecido apoio financeiro, material ou tecnológico" para apoiar qualquer atividade ou transação no setor de ouro venezuelano. EFE


Etiquetas: #Donald Trump , #Maduro

Notícias relacionadas