Agência de Desenvolvimento critica decisão da Europa com relação á Turquia

O chefe da TIKA acusa os deputados europeus de tentarem "disciplinar" a Turquia

618198
Agência de Desenvolvimento critica decisão da Europa com relação á Turquia

O presidente de uma agência de desenvolvimento turca criticou neste sábado a decisão tomada pelos legisladores europeus esta semana de congelar as negociações de adesão da Turquia à UE.

O chefe da Agência Turca de Cooperação e Coordenação (TIKA), Serdar Cam, acusou o Parlamento Europeu de tentar "disciplinar" a Turquia.

"Independentemente de abrir, fechar ou parar os capítulos [de adesão à UE], o povo turco, o Estado turco e o governo turco, não serão disciplinados ou moldados de acordo com os seus próprios padrões [da UE]", disse Cam à Agência Anadolu.

Cam fez suas declarações durante uma visita oficial à capital austríaca, Viena.

Ele disse que a Turquia tinha feito progressos significativos na ajuda humanitária, nos investimentos, no comércio, na economia e na luta contra o terrorismo nos últimos anos, mas foi criticada em vez de elogiada.

Referindo-se à recente decisão do Parlamento austríaco de proibir a exportação de equipamento militar para a Turquia, Cam disse que esses entraves nas relações só prejudicam o país em questão.

O líder da TIKA advertiu que qualquer problema na Turquia se tornaria um problema ainda mais sério para a UE.

Cam disse que os países europeus estão deixando as realizações da Turquia para trás e agindo contra os seus próprios interesses em permitir a propaganda anti-turca por organizações ilegais em seus territórios.



Notícias relacionadas