Tufão Lekima deixa pelo menos 30 mortos e mais de um milhão de evacuados

O tufão devastador está mergulhando esta área da China em caos total

Tufão Lekima deixa pelo menos 30 mortos e mais de um milhão de evacuados

Os serviços de emergência, bombeiros e policiais militares trabalham incansavelmente. 

Desde ontem que o tufão Lekima tocou a terra no leste do país, o aumento das chuvas torrenciais e ventos de até 180 quilômetros por hora também causaram um deslizamento de terra bloqueando o rio.

A água começou a se acumular, atingindo 10 metros de altura e arrastando as casas que estavam em seu caminho. 

Dezenas de pessoas foram resgatadas de suas próprias casas, com cordas e em barcos ou com empilhadeiras, como esta mulher prestes a dar à luz, enquanto bombeiros e militares continuam a procurar sob os escombros para encontrar dezenas de desaparecidos.

Quase um milhão de pessoas foram evacuadas e transferidas para abrigos por causa do caos. 

Também há cortes no fornecimento de eletricidade que afetam milhares de casas e também o transporte.

Lekima é o mais forte tufão que atingiu o país nos últimos 5 anos.



Notícias relacionadas