Brasil superou os 4,4 milhões de casos positivos e as 134 mil mortes por coronavírus

Nas últimas 24 horas, o Ministério da Saúde do Brasil registou 36 820 novos casos da doença e mais 987 óbitos.

1493270
Brasil superou os 4,4 milhões de casos positivos e as 134 mil mortes por coronavírus

O Brasil contabiliza 4 419 083 casos positivos e 134 106 mortes devido ao novo tipo de coronavírus (COVID-19).

Nas últimas 24 horas, o Ministério da Saúde do Brasil registrou 36 820 novas infecções e mais 987 óbitos.

Neste momento, ainda há 2 428 mortes sob investigação para se determiner a causa do óbito.

Segundo dados da pasta da Saúde, o gigante sul-americano tem 3 720 312 pacientes recuperados e há ainda 564 665 pessoas que permanecem em acompanhamento.

O índice de fatalidades (o número de óbitos dividido pelo total de casos) é de 3%, enquanto a mortalidade (número de óbitos por 100 000 habitantes) é de 63,8 por cada 100 mil pessoas. A incidência (total de casos por 100 000 habitantes) aumentou para 2 102,9.

O estado mais atingido pelo surto é São Paulo, que registou até agora um total de 909 428 casos (com mais 8 157 no dia de ontem) e um total de 33 253 mortes (mais 290 na quinta-feira).

De acordo com a previsão divulgada esta quarta-feira pelo Centro de Contingência do Coronavírus de São Paulo, as projeções apontam para que até 30 de setembro se registem entre 960 mil e 1,05 milhões de infetados, e entre 35 mil a 38 mil mortes pelos problemas de saúde causados pelo coronavírus.

O Rio de Janeiro tem o segundo maior número de óbitos devido ao COVID-19, 17 342, seguindo-se o Ceará com 8 764), Pernambuco com 7 933 e o Pará com 6 405.

Por outro lado, os estados com menos mortes devido à pandemia são Roraima, com 611 mortos, Acre com 643, Amapá com 685, Tocantins com 831 e o Mato Grosso do Sul com 1 122.



Notícias relacionadas