Segundo petroleiro do Irã entra em águas territoriais venezuelanas

A Marinha da Venezuela declarou que está escoltando o navio "Forest" que entrou nas águas jurisdicionais sem problemas

1423903
Segundo petroleiro do Irã entra em águas territoriais venezuelanas

Foi anunciado que o segundo petroleiro do Irã entrou nas águas territoriais da Venezuela.

A Marinha da Venezuela expressou em sua conta no Twitter que está acompanhando o navio "Forest" que entrou nas águas jurisdicionais sem problemas.

Revelou que o navio estava orientado para o porto da refinaria de El Palito, no estado de Carabobo.

Por seu lado, a Força Aérea Venezuelana declarou que acompanhará o navio até chegar ao porto.

Por outro lado, foi revelado que o primeiro petroleiro "Fortune", que entrou na segunda-feira, 25 de maio, nas águas venezuelanas, atracou em El Palito, e começou a transferência do petróleo transportado por este navio.

A televisão estatal iraniana anunciou anteriormente que cinco navios petroleiros denominados "Fortune", "Forest", "Faxon", "Petunia" e "Clavel", que carregavam cerca de 1,5 milhão de barris de combustível, partiram para a Venezuela.

A Venezuela, um dos países com as maiores reservas de petróleo do mundo, é incapaz de operar suas refinarias de petróleo efetivamente devido a sanções e à crise econômica. Por sua vez, o Irã, que sofre severas sanções americanas, dificulta a venda de seu petróleo.

O Irã enviou cinco navios petroleiros para a Venezuela depois que o presidente venezuelano Nicolás Maduro pediu a Teerã ajuda para evitar o problema da gasolina no país causado pela paralisação das refinarias.



Notícias relacionadas