2,3 milhões de venezuelanos deixaram o país desde junho

A desnutrição é a principal razão para a migração.

2,3 milhões de venezuelanos deixaram o país desde junho

A ONU declarou que, desde junho deste ano, cerca de 2,3 milhões de pessoas da Venezuela, que tem 32 milhões e 800 mil habitantes, migraram para países como Colômbia, Equador, Peru e Brasil.

O Escritório das Nações Unidas para a Coordenação de Assuntos Humanitários informou que 1,3 milhão de migrantes estavam passando por problemas alimentares no país e que eles o abandonaram devido à desnutrição. Acrescentou-se que também há problemas de materiais médicos e serviços de saúde na Venezuela.

A ONU e seus parceiros humanitários indicaram que aqueles que migram da Venezuela precisam de um status legal, documentação-refúgio e acesso a serviços de saúde e outros serviços básicos.



Notícias relacionadas