Pistoleiros atacam igreja sul-africana

A polícia prendeu cerca de 40 pessoas e apreendeu 40 armas de fogo, incluindo rifles, espingardas e revólveres, relacionadas ao ataque.

1453555
Pistoleiros atacam igreja sul-africana

Cinco pessoas morreram em um ataque a uma igreja a oeste de Joanesburgo nas primeiras horas do sábado, informou a polícia sul-africana, com alguns dos agressores fazendo reféns e depois libertados.

A polícia prendeu cerca de 40 pessoas e apreendeu 40 armas de fogo, incluindo espingardas, espingardas e revólveres, relacionadas ao ataque à Igreja Internacional de Pentecostes em Zuurbekom, disse o porta-voz da polícia Vishnu Naidoo à emissora de televisão  ENCA.

Um comunicado disse que policiais e militares que responderam a um tiroteio na sede da Igreja Pentecostal Internacional em Zuurbekom encontraram quatro pessoas "baleadas e queimadas até a morte em um carro" e um segurança baleado em outro carro. Seis outras pessoas ficaram feridas.

A polícia informou que resgatou homens, mulheres e crianças que foram mantidas reféns e pareciam morar na igreja.

Não ficou claro quantos foram resgatados.



Notícias relacionadas