Apelo para o envio de uma missão de investigação internacional para a Líbia

O Conselho Presidencial do Governo de Unidade Nacional da Líbia (GCN), pediu o envio de uma missão internacional de investigação para documentar as violações cometidas no país.

Apelo para o envio de uma missão de investigação internacional para a Líbia

O Conselho Presidencial do Governo de Unidade Nacional da Líbia (GCN), reconhecido pela comunidade internacional, pediu o envio de uma missão internacional de investigação para o país, para documentar as violações cometidas pelas forças ligadas a Khalifa Hafter.

Através de uma declaração escrita, o Conselho condenou os ataques realizados pelas forças de Hafter contra os aeroportos de Mitiga e Misurata, e também contra um clube de equitação nas proximidades de Tripoli.

Nessa declaração, é também dito que as forças de Hafter não dão qualquer importância às condenações da Missão de Apoio das Nações Unidas na Líbia, e é feito um apelo para o envio de uma missão internacional de investigação para o país, para documentar as violações cometidas pelas forças ligadas Khalifa Hafter.

Hafter é o líder das forças armadas no leste da Líbia e no dia 4 de abril deu a ordem às suas forças para conquistarem Tripoli, a capital do país. Perante este ataque, as forças ligadas ao GCN – o governo legítimo reconhecido pela comunidade internacional – deram início a uma contra-operação.



Notícias relacionadas