Operação Fonte da Paz

"O objetivo é a paz
o alvo é o terrorismo"

Confronto mortal entre o Boko Haram e o exército nigeriano

18 soldados morreram de acordo com a imprensa nacional da Nigéria

Confronto mortal entre o Boko Haram e o exército nigeriano

18 soldados foram mortos em um confronto entre o grupo terrorista Boko Haram e o exército no nordeste da Nigéria.

Segundo notícias da imprensa nacional, 18 soldados morreram no confronto entre o grupo e o exército na região de Gubio, no estado de Borno.

O porta-voz do exército, Musa Sagir, expressou que 22 soldados escaparam e que os estão procurando agora.

Sagir não deu informações sobre o número de mortos.O grupo terrorista Boko Haram, que mostra atividades na Nigéria desde o início de 2000, matou mais de 20.000 pessoas nos atos de violência em massa que vem realizando desde 2009.

Até agora, a banda também realizou ataques nos países vizinhos Camarões, Chade e Níger. 

Pelo menos 2.000 pessoas perderam a vida nos ataques na bacia do lago Chade.

O ex-porta-voz do Boko Haram, Abu Musab al Barnawi, foi nomeado em 2016 como líder do grupo que causou disputas e divisões dentro do grupo entre Abubakar Shekau, líder desde 2009.



Notícias relacionadas