República Democrática do Congo: mãe de recém nascido de 42 dias com ébola faleceu

Daniella, um bebé recém nascido com ébola que foi hospitalizado no dia 11 de abril com apenas 12 dias de vida, perdeu a mãe para a doença.

República Democrática do Congo: mãe de recém nascido de 42 dias com ébola faleceu

Um bebé de 42 dias contraiu o vírus do ébola no leste da República Democrática do Congo (RDC), onde foi declarada uma epidemia da doença no dia 1 de agosto do ano passado. O ébola já deixou 1 117 mortos entre os 1 592 casos confirmados.

O bebé identificado com ébola já deixou o Centro de Tratamento de Ébola (CTE) em Katwa, na província do Kivu Norte, de acordo com a informação dada pelo ministro congolês da Saúde, através de um comunicado publicado no domingo à noite a que a Agência Anadolu teve acesso.

Daniella, um bebé recém nascido com ébola que foi hospitalizado no dia 11 de abril com apenas 12 dias de vida, perdeu a mãe para a doença.

“A sua mãe chegou num estado de coma avançado e morreu no CTE, no dia seguinte. O diagnóstico de Daniella foi feito no dia 12 de abrol e revelou-se positivo. Após 30 dias de tratamento com o mAb 114, Daniella foi curada” – congratula-se o ministério no comunicado – que diz também o seguinte:

“Ela sobreviveu graças ao trabalho do pessoal de saúde e das enfermeiras que a vigiaram 24 horas por dias, mas também porque ela foi cuidada assim que contraíu a doença”.



Notícias relacionadas