São 979 o número de mortes no surto de Ebola na República Democrática do Congo

O surto continua a assustar os moradores da região africana

São 979 o número de mortes no surto de Ebola na República Democrática do Congo

Segundo os dados do Ministério da Saúde da República Democrática do Congo na epidemia iniciada no estado do Kivu Norte e ampliada em outro estado de Ituri, houve 1.572 casos de febre com hemorragia. O Ebola foi detectado em mil e 506 pacientes e 439 pessoas se recuperaram, 88 pacientes estão sendo tratados nos centros de Ebola.

Enquanto isso 66 pessoas perderam a vida em casos de febre com hemorragia cujo motivo de morte ainda não foi comprovado como o vírus Ebola.

Na área, 111.920 pessoas foram vacinadas no marco da campanha que começou em 8 de agosto de 2018.

O vírus Ebola que causa febre com hemorragia pela primeira vez apareceu com duas epidemias simultâneas em Nzara do Sudão e Yambuku da República Democrática do Congo.

A doença levou este nome pois a epidemia no Congo apareceu em uma cidade localizada nas proximidades do rio Ebola.

O vírus foi se espalhou em dezembro de 2013 na África Ocidental.

No surto que atingiu a Guiné, a Libéria e a Serra Leoa entre 2014 e 2017, 30 mil pessoas foram infectadas pelo vírus e mais de 11 mil morreram.



Notícias relacionadas