Proibido o acesso ao canal de televisão Al Jazeera nos hotéis da Arábia Saudita

Hotéis que não cumpram a proibição, arriscam-se a pagar multas de 26 600 dólares.

Proibido o acesso ao canal de televisão Al Jazeera nos hotéis da Arábia Saudita

O Ministério do Turismo e Património Cultural da Arábia Saudita, enviou uma notificação aos hotéis no sentido de ser impedido o acesso à cadeia de televisão Al Jazeera.

“Segundo o Regulamento de Hotéis e Pousadas Turísticas, deve ser dada prioridade aos canais oficiais públicos e não podem ser exibidos canais imorais ou antirreligiosos, contra a Arábia Saudita nos sistemas de televisão por satélite. No caso do canal Al Jazeera ser exibido, será cobrada uma multa de 26 600 dólares ao hotel infrator” – indicou o ministério.

Os canais Al Arabia e SKY News Arabia, podem continuar a ser vistos no país, apesar desta declaração oficial. A Arábia Saudita, o Egito e os Emirados Árabes Unidos proibiram o acesso a todos os canais baseados no Qatar.

Recentemente, piratas informáticos divulgaram a correspondência por email, supostamente do embaixador dos Emirados Árabes Unidos em Washington- Yosef al Uteibe – segundo a qual o embaixador estaria a colaborar de forma estreita com a Fundação da Defesa da Democracia – uma organização pró Israel – para desenvolver políticas contra a Turquia e o Qatar.



Notícias relacionadas